A Localiza e o seu programa de Ajuda Humanitária

Segundo dados do Ministério das Relações Exteriores, cerca de 3,0 milhões de brasileiros vivem no exterior. De acordo com dados da Receita Federal, entre 2014 e 2016 foram entregues 55.402 Declarações de Saída Definitiva do País, um crescimento de 81,61% na comparação com o triênio imediatamente anterior sendo a desilusão com a situação política e a taxa de desemprego elevada como os maiores responsáveis pela emigração destes brasileiros.
 
Por outro lado, o número de imigrantes a solicitar refúgio no Brasil cresceu dez vezes em menos de uma década e mais empresas passaram a se interessar pela contratação destes estrangeiros. Em 2018 já foram emitidas 16.255 carteiras de trabalhos para pessoas vindas de fora do país, número este 77% maior que o total de 2017. Segundo o Observatório das Migrações Internacionais, os haitianos e venezuelanos foram os mais contratados ao longo do segundo trimestre de 2018.
 
A Localiza, empresa na qual investimos há 3 anos, criou um programa para contratação de imigrantes com visto de ajuda humanitária. Atualmente, a companhia conta com colaboradores de diversas nacionalidades como Haiti, Benin, Angola, Nigéria e Senegal. A iniciativa partiu da visão da Empresa em oferecer oportunidades de trabalho a profissionais de diversos países que escolheram o Brasil para construir seu futuro e melhorar qualidade de vida. E a empresa já começou a perceber os resultados destas contratações. Desde 2016, quando os haitianos começaram a ser contratados, a rotatividade no posto de trabalho caiu de 40% para 17%.

As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo. É fundamental a leitura do regulamento dos fundos antes de qualquer decisão de investimento. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos. Para avaliação de performance do fundo de investimento, é recomendável uma análise de período de, no mínimo, 12 (doze) meses. Os Fundos de Investimento não contam com garantia da instituição administradora, da gestora ou do Fundo Garantidor de Créditos - FGC.

Produzido por: FAMA Investimentos. Todos os direitos reservados